O7: Sydney

Sydney.

Sydney vai ser a primeira paragem nesta viagem à Oceania. Vou estar apenas três dias, mas, quando lá chegar, esta viagem já levará dois, sendo um inteiramente no ar.

Dia 3: A cidade.

Chegarei às 7:00. Tenho um dia inteiro para ver as atracções da urbe que nos habituamos a ver explodir na passagem de ano. Se chegar em “condições”, claro. 

Depois de descansar (pouco) no hotel, visitarei os quatro spots: a casa da ópera – ex-libris internacionalmente reconhecido; the rocks – o bairro mais antigo; Circular Quay – o porto; e a famosíssima Harbour Bridge. 

Duvido que consiga, neste primeiro dia, fazer mais. O jet lag não deixará. Dia 4: Blue Mountains e Grutas Jenolan.

Este será o dia do meu aniversário – sete de Março. 

Durante o dia estarei nas montanhas que rodeiam Sydney. 

Jantarei na Ópera. Eu mereço.  

 

Dia 5: Bondy beach e Manly.

 O meu último dia em Sydney será na praia. Minto. Em duas praias. Bondi é a mais conhecida praia deste continente. Não posso deixar de ir. Irei no autocarro 333. 

Se o tempo estiver mau para banhos, farei os 5,5 Km de entre Bondi e Cogee, num espetacular trilho costeiro, de onde poderei ver baleias no oceano Indico.  Ao final do dia regressarei a Sydney, onde embarcarei para a praia de Manly (devidamente dopado, claro). O objectivo é, no regresso, ver o pôr-do-sol sobre a ponte e a ópera. Vamos ver se vou acertar nos timings.

Amanhã, viajarei para o outback australiano.

São Pedro de Moel, 10 de Setembro de 2015
Recebe as minhas crónicas em primeira mão no teu email. Vai a ruiiscalling.wordpress.com e faz Follow.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s